Ele (a) sempre te procura quando está carente? Parece que quando o “x” da sua questão está sozinho (a) resolve do nada te ligar, mandar mensagens de boa noite ou anuncia que está com saudades? Se isso têm acontecido com você, sinto muito em dar a má noticia, mas você é oficialmente o estepe de alguém.

Você já deve ter presenciado situações assim ou até mesmo vivido outras vezes, porque é realmente algo completamente normal, parece até um pouco de frieza falar assim, mas ultimamente encontramos cada vez mais pessoas capazes de transformar relações que poderiam ser incrivelmente boas em algo banal ou passatempo de carências.

A grande “não novidade” da história é que você está ali, a disposição para tudo, sempre com um ombrinho amigo a oferecer. E minha função aqui é dizer que enquanto isso acontecer, o seu X nunca irá perceber que você está pronto (a) para dar um passo maior. Pois quem determina o nível da relação que você mantém com qualquer pessoa é você mesmo.

O que podemos pôr em pauta aqui é que enquanto o “estepe” não é confiante a ponto de fazer o X (pessoa que te faz de estepe) assumir um relacionamento sério ou largar qualquer outro esquema, ele (a) aproveita bem mais que você, que fica martelando na cabeça o que fazer para resolver a situação incomoda.

Então a grande mensagem moral desse artigo é: NÃO SEJA TROUXA, NÃO ACEITE MIGALHAS. Lembre-se, querido leitor, amor próprio move o seu mundo, valorize-se acima de tudo, até porque você é muito para receber tão pouco.

PS.: Perdoem os excessos.

Beijocas <3